Pedro Sampaio – Fotógrafo de Casamentos em Gaia- Wedding Photographer – Elopment – Destination Wedding – Gaia – Portugal – Mundo

Casamento na Quinta da Azenha

Pois é, o Tiago e o Fábio concretizaram uma mas metas da vida deles, casar.

Este é o primeiro de muitos sonhos que traçaram para a vida deles, outros vêm a caminho.

E foi com alegria e emoção que percebi que tinha sido o escolhido para registar este dia.

O Tiago já conhecia há alguns anos, aquando do casamento da irmâ (Nita + Bruno), o Fábio passei a conhecer.

Pessoas de bom trato, com vida, livres de preconceitos e sem problema e mostrar emoções.

Emoções foi coisa que não faltou neste dia tão especial, mas já lá vamos, primeiro vamos à história.

A primeira vez que se viram, e chamaram a atenção, foi à beira da igreja de Valadares.

Mas não passou disso, de um olhar.

Começaram a falar através do instagram, a se conhecerem, a descobrirem o que vinha dali.

O primeiro encontro, esse, foi junto à praia, na esplanada do Alex.

O pimeiro bejio não demorou muito, foi no dia seguinte, à porta do Arrábida Shopping.

29 de Janeiro de 2108, na seca do bacalhau, o Tiago prepara uma surpresa e aí se inicia o namoro.

Poucos meses depois, no dia de anos do Tiago e em frente à torre Eiffel, foi o pedido de casamento.

01 de Abril, dia das mentiras, neste caso é o dia de tudo menos de mentiras, é, sem dúvida, o dia das certezas!

Pouco mais de um ano depois, estamos neste bonito dia de Julho, na Quinta da Azenha, para um dia memorável.

Claro, antes disso, e como sempre, tivemos a sessão de solteiros, fluída, diferente e a deixar um cheirinho do que podiamos fazer no grande dia.

E, chegados ao grande dia, era fácil de ver as emoções, a vontade e o carinho que, tanto noivos, como convidados, estavam.

Todos esperavam por este momento, todos estiveram com o Tiago e o Fábio neste momento tão especial.

Muita festa, muita mesmo, muitas surpresas, discursos, danças e cantos, não faltou nada.

Mesmo entre eles, a dança que cada qual fez para o outro deixou tudo e todos boquiabertos, muito bom!

Que tenham, no futuro, tudo aquilo que têm agora, que sejam felizes, merecem!

“Enjoy the journey”

Até já…